animais domésticos

Uma das originalidades do GW (Guild Wars) é a existência de minipets. Minipets são pequenos seres sem vontade própria (seguem sempre atrás do seu dono) que não servem para nada… Confusos? Hmmm são itens de prestígio, são luxos e são coleccionáveis. Quanto muito podem achar piada porque são giros (há dragões, monstros, seres humanos,etc.) mas não podem fazer nada com eles. Não obstante, a compra e venda dos mesmos é um negócio de relevo, demonstrando-se que existem vários jogadores que gostam de possuir vários e que há interesse na sua compra…

Que eu saiba, só existem 4 formas de obter minipets: ter um ano de idade no jogo (quando o nosso char atinge os 12 meses de vida, a ArenaNet oferece um minipet como prenda de aniversário); uma bónus quest especial (aqui há algumas semanas – escrevi aqui sobre isso – algumas revistas de videojogos traziam uma key que desbloqueava uma quest que oferecia no seu final, como recompensa pela quest feita, um minipet); comprar a versão Collectors Edition do jogo (no Nightfall tenho a certeza :P) ou comprar/adquirir o minipet de outro jogador. Experimentei todas as formas e já tenho 5 😀 2 foram comprados…

Para quê ter minipets? De algum modo, os minipets mostram que o seu “dono” é alguém com algum estatuto: nomínimo, ou já joga há 12 meses ou conseguiu ganhar dinheiro suficiente para gastar numa “futilidade” destas 😛 Existe algum paralelismo com os chapéus ou máscaras que se podem obter nos eventos (chapéu de bruxo ou máscara de abóbora no Halloween, máscara de tengu ou de dragão,etc…), ambos são objectos de elevado valor simbólico (os chapéus/máscaras mostram que se esteve presente e participou no evento…), ambos servem para diferenciar o estatuto do jogador (“faço parte dos que possuem um…”), são elementos de prestígio. A grande diferença é que não é possível usar chapéus/máscaras obtidos por outro jogador (só quem ganhou o chapéu/máscara é que o pode usar…), ou seja não têm valor de mercado, não existe qualquer interesse em comprar, não se pode usar… E acreditem que há muita gente com pena disso…

Advertisements

Comments are closed.

%d bloggers like this: