Relato de um dos meus momentos mais épicos

E agora é altura de fazer um breve relato do momento épico que vivi na 4ª feira 😀

Faltavam 2 missões para chegar ao final da história do Nightfall e poder comprar a tão desejada Primeval Armour para a Maria Nafergo. Depois de algumas partys falhadas (numa houve gente que abandonou, em outras 4 vezes a táctica deu maus resultados…), lá consegui integrar um grupo alegre e bem animado: 1 ritualista, 3 warrior, 1 necro e 1 ranger + o Dunkoro (meu) e a Talkhora. Ainda tentámos recrutar uma healer em Gate of Madness, houve um momento hilariante de 3 chars “begging” de joelhos à volta dela, mas tivemos de partir com heroes a fazer de healers. Enfim…

área da missão de Gate of Madness

A missão de Gate of Madness não é fácil, até houve um momento em que julgámos estar tudo perdido (só 2 ficaram vivos), mas com calma, estratégia e esforço de equipa tudo se faz 🙂 O primeiro “boss” é The Lich (já foi derrotado no Prophecies mas agora “renasce” como servo de Abaddon) e não é muito complicado mas a seguir… A seguir é que é difícil 🙂

Isto tudo para dizer que as missões podem ser feitas com graus de consecução diferentes. O máximo que se pode fazer é com Masters Reward. Nesta missão, fazer com Masters implica que alguém tem de ficar a entreter o Shiro Tagachi (já o tinha morto no final de Cantha mas agora também “renasceu” como servo de Abaddon) enquanto a restante equipa conquista os altares dos 5 deuses. O Shiro é “só” um lvl 31 de profissão especial… Matar o Shiro implica o esforço de uma equipa… Ora quem ficou com a tarefa de “entreter” o Shiro, mantê-lo ocupado, fui eu e o meu martelo 🙂 Com imensa Death Penalty (51%… consequência da situação anterior quando julgámos que tudo estava perdido), com metade da energia e saúde, lá caminhei para o meu destino 🙂

A minha estratégia foi simples (mas obrigava a estar concentrado): lure, “toca e foge” 😀 E durante uns minutos que pareciam nunca mais acabar, enquanto o resto da equipa eliminava os defensores dos altares, andei a fugir (sem skills para correr!) do Shiro 😀 Claro está que nunca podia afastar-me muito (ou ele abandonava a perseguição e dirigia-se para o altar a ser atacado), tinha de deixá-lo “tocar-me” para o manter na expectativa de que conseguia apanhar-me. Andei a correr com o Shiro atrás de mim e, sempre que ele abandonava a perseguição, lá ía eu atrás dele para atingi-lo com o meu martelo e fazer recomeçar a perseguição… Resultado? Da primeira vez que vi o Shiro (que cheguei a esse momento na missão) fizemos a Masters nas calmas 😀 Fui claramente uma mais-valia para a equipa e senti-me bem!

Depois de eliminados os “bosses” e conquistados os 5 altares, surgem os 5 avatars dos deuses: Grenth, Dwayna, Lyssa, Bathazar e Melandru.

 

Abaddon

Em Abaddon’s Gate, onde começa a missão final onde combatemos com “Abaddon himself” 🙂 a party estava reduzida a 4. Tentámos uma vez mas não conseguimos, fomos apanhados de surpresa pelas skills do Abaddon durante o momento de invulnerabilidade. Os meus parceiros decidiram deixar a última missão para o dia seguinte mas… eu estava demasiado perto do final para para 😀

E acompanhado apenas dos meus heroes e henchmen decidi enfrentar o “deus maldito”. Em boa hora o fiz, demorou uma meia-hora, exigiu muito controle (flags…) e calma mas lá cheguei ao final 😀 e conheci o tão desejado Throne of Secrets!!! Lá estavam os heróis e henchmen todos, os Forgotten (collectors e crafters – incluindo o da primeval armour :D), as “almas”… Fui recebido com “vivas” e celebraram o momento com um espectacular fogo de artifício (semelhante ao que aparece no final do Factions) enquanto aparece o longo genérico final do jogo.

Final? É apenas uma expressão 🙂 porque agora há mais para fazer: fazer Masters em todas as missões (para o title de protector), novas áreas que posso finalmente visitar e explorar, mais armours e armas para comprar para os meus restantes chars e… o PvP. Isto até chegar o próximo capítulo 😉

Advertisements

One Response to Relato de um dos meus momentos mais épicos

  1. Fábio says:

    E claro apanhar os heroes que faltam 😀
    Na missao antes do abaddon consegui fazer tudo bem so com heroes e henchs ate chegar ao shiro e ao lich, o lich foi rapido o shiro mais do que uma vez fez me um team wipeout…
    abraço

%d bloggers like this: